Mercado de trabalho em Santo André 2008

Depois de passar boa parte da década de 90 com importantes perdas de postos de trabalho, a economia de Santo André passa a criar empregos com bastante força a partir de 2000. Apesar da tendência de crescimento da geração de postos de trabalho, esse crescimento não é igual para todos os trabalhadores. Certos grupos são privilegiados, enquanto que outros permanecem estagnados.

Evolução dos empregos formais no ABC 2004 a 2008

A década de 90 foi marcada pela estagnação e até pela forte retração do mercado formal de trabalho no Brasil e particularmente no ABC. Neste processo a indústria sofreu mais, parte pela importante retração da produção, mas principalmente pelas profundas mudanças tecnológicas e organizacionais poupadoras de mão-de-obra. O crescimento da economia brasileira voltou nos anos 2000 ainda com algumas oscilações. No ABC isso está se refletindo principalmente na ampliação do setor de serviços e muito fortemente nos setores indústrias ligados à cadeia automobilística.